sexta-feira, 15 de março de 2013

Dicas para ser modelo Plus Size

 Foto de Tatiane Moraes

Muitas pessoas me perguntam como tornar-se modelo plus size.
Confesso que não é nada fácil. O esforço é o mesmo de qualquer profissão.
Inicialmente você tem que fazer um book profissional, pois esse será o material que você mandará para as empresas, lojas e agências mostrando como você é.


Fazer cursos de passarela, fotogenia, maquiagem, estilismo pessoal, isso tudo ajuda a você se comportar perante os fotógrafos, nos desfiles e na sua imagem pessoal. Neles você aprende a se conhecer e a como se apresentar num casting (seleção).


É importante manter o seu facebook limpo, sem fotos comprometedoras, coisas ou situações comprometedoras, pois a maioria das empresas buscam suas modelos nas redes sociais e o face é o mais usado. Estando tudo em ordem, a imagem que você passará para eles irá vender mais.

Mantenha seu corpo em dia: cabelos lindos e tratados, pele hidratada, unhas em dia, maquiagem impecével. Esses detalhes chamam a atenção e fazem a diferença na hora de uma seleção.

Proporções de medidas é importantíssimo. Tente manter o máximo possível a sua forma. Por exemplo: se seu tamanho é 50 (XG ou GG), suas medidas deverão ser: Cintura: 94 à 101 e Quadril: 119 à 126
Isso existe para facilitar na hora da modelagem, pois quando a loja quer fazer um catálogo, usará o tamanho da modelo. Se a roupa for um vestido tubinho, por exemplo, a cintura sendo maior do que o quadril (no manequim), a roupa não ficará bem, correndo o risco de não fechar.
Sei que muitas meninas não entenderão, mas todas devem lembrar que modelo e manequim é um cabide ambulante, então estar com as medidas em dia facilita na hora de esperimentar a roupa e fazer as fotos.
Se lembra das proporções das modelos magras: 90, 60, 90 (90 de busto, 60 de cintura e 90 de quadril), é exatamente isso que estou falando. Proporções das suas medidas. 

Sobre as agências, algumas exigem que você faça books com elas, outras ultilizam o material que você tem. Algumas fazem contratos de exclusividades, outras tem somente um pequeno cadastro seu, com sua foto no casting delas. Esse assunto vai de cada uma. Procurem no Google ou Yahoo agências que trabalhem com modelos plus size. Cada estado tem a sua.
   

Essa profissão é como qualquer outra, tem que haver dedicação, garra, conhecimento e profissionalismo. Confesso que não é fácil conseguir e manter, mas se é realmente um sonho e você está preparada para o que der e vier, vai com tudo. Mas prepare-se, gastos existem também, como qualquer outra profissão, exige um investimento. Raras são as modelos descobertas pelas ruas ou facebook sem precisar batalhar e profissionalizar-se.

Aqui dou umaindicação de blog e sites com dicas importantes:
* Blog Fatshion da modelo Carla Manso: http://blogfatshion.wordpress.com/2012/05/10/saiba-como-se-tornar-uma-modelo-plus-size/ 


Foto de Tatiane Moraes
Qualquer dúvida, estou aqui. Espero ter ajudado. Boa sorte meninas!!!


Bjinhos

Ana Paula Holanda


Nenhum comentário:

Postar um comentário